quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Eu nasci assim, eu fui feito assim

Começo por dizer que sou totalmente contra isto. Detesto mail piegas, peditórios, chainmails ...
Mas abro aqui uma excepção a convite da menina
Canuca

Parece que o objectivo é enumerar 5 factos sobre mim e 10 coisas de que gosto, atão cá vai.

(Os factos relatados a seguir são pura obra ficcional. Qualquer semelhança com a realidade não é mera coincidência.)


Factos:

- Homem branco, 1,76m, 8o kg, fumador e consumidor de álcool em excesso apenas socialmente. Ateu.

- Meio Lisboeta meio
Jagoz, e um cidadão do mundo.

- "Arqui" por parte da mãe, "tecto" por parte do pai. Homem das artes, da musica, um animal de palco.

- Aka PWFH (Peter Waters From Hawaii) Uma longa estória que fica para a próxima.

- Sim ou sopas. Pão pão, queijo queijo. 8 ou 80.


Cenas que curto:

- Comer, beber e foder. (Podia ficar por aqui mas acho que faltam sete)

- Viver furiosamente como se os últimos grãos desta ampulheta que é a vida se estivessem a precipitar para um mosh arenoso. (Olha que lindo!)

- Passar um dia sem fazer a ponta de um corno e guardá-lo como um dia memorável.

- Pescar. Porque pescar não é apanhar peixe, é passar horas em frente ao mar e conhecer os maiores cromos do planeta. E por momentos, tentar ser ainda mais rude e mais ordinário do que já alguma vez fui.

- Pôr uma musica pirosa num volume considerável e cantá-la em jeito de serenata para a gaja que parou o carro ao meu lado.

- Fazer desporto da forma mais bruta e alarve que consiga, e tentar sempre a queda mais aparatosa e a façanha mais impensável. (Sim sou um palhaçote do caralho!)

- Fazer surpresas. Quais? Não digo ... é surpresa!

- Ser tudo aquilo que começa por "in", tipo, insuportável, insolente, instável, inseguro, inconsciente, insaciável, inusitado, insólito, incompreendido e acima de tudo, instúpido!

- Lembrar-me sempre de tudo depois de uma monumental cadela e não me lembrar do que jantei ontem.

- Ser provocador e gostar de chocar quem tiver paciência para me aturar.



Acho que não me conheço assim tão bem!

14 comentários:

Canuca disse...

Eu tinha que passar a batata quente a alguém..que giro...tb acho que te conheço de algum lado lol ;)

PWFH disse...

Conheces, conheces, de ginjeira!

Pipoca dos Saltos Altos disse...

Também me lembro de tudo depois das "cadelas" e às vezes nem o meu número de telefone me lembro...

Vani disse...

OHHH, PW! Ca românticooo! :)

Vani disse...

E um autêntico jackassa, estou a ver. Dás-me um autógrafo? :D

Gonçalves, o abonado disse...

Tens pinta.

grassa disse...

Isto quer dizer que quando te conhecer não vou ter outra hipótese senão apaixonar-me por ti?

Nawita disse...

Caixinha de surpresas!

Isa disse...

Uma serenata! eu quero uma serenata daquelas ...

PWFH disse...

Vani,
sim, sou um eterno romântico inveterado, um idealista, um sonhador um poeta popular.
Ahhhh e uma besta!

Gonçalves abandonado,
Tenho. Uma mesmo no tomate esquerdo.

Grassa,
desiludes-me, pensei que tinhamos esclarecido essa merda das paneleirices. Ou me amas ou não, essa merda das paixões é para os maricas!

Nawita,
Caixinha? Eu sou um autêntico baú no que toca à camuflagem de personalidade.

PWFH disse...

Isa,
Vá, pára lá o carro aqui ao lado, que eu espingardo-te uma ou duas cançonetas.

Nawita disse...

PW,

não faças isso. a não ser que precises, numa emergência, por exemplo.
é que depois, quando mexes no baú, já não distingues nada.

entretanto não te esqueças das bolas anti-traças, para não dar cabo dos fatos e das máscaras.

vita disse...

Já agora..."in"graçado :)

PWFH disse...

Vita,
tenho dias, uns mais "ingraçado" que outros, agora, parvo sou todos os dias!

origem